TEATRO &
ARTE
MÚSICA &
FESTIVAIS
GASTRONOMIA
FAMÍLIA &
ENTRETENIMENTO
DESPORTO &
AVENTURA
TODOS OS
EVENTOS

27ª EDIÇÃO DO CURTAS COM PROGRAMAÇÃO FECHADA

Está fechada a programação para 27ª Edição do Curtas, que regressa a Vila do Conde entre 6 e 14 de Julho, com uma selecção de mais de 250 filmes de produção recente que pretendem ser um espaço de descoberta, reencontro e divulgação para novos e consagrados autores.

Em 2019, o cinema português volta a ocupar a sala e horário nobre do festival. Dezasseis filmes em estreia na competição nacional, cinco filmes que marcaram o panorama do último ano e dezasseis filmes de escola darão um olhar transversal e transgeracional para o cinema que se faz, actualmente, no país. Nas sessões não competitivas haverá ainda espaço para a antestreia dos primeiros episódios da série de Marco Leão e André Santos, Luz Vermelha; a estreia de Mutantes S. 21- 25 anos depois, documentário sobre os históricos Mão Morta, assim como sessões especiais com cinema de Manoel de Oliveira e João César Monteiro.

Secção maior do festival, a Competição Nacional do Curtas resume a singularidade de uma nova geração de realizadores portugueses, dos nomes que têm sido reconhecidos nos festivais internacionais, Gabriel Abrantes, Diogo Costa Amarante, Diogo Baldaia ou Sofia Bost, até aos novos valores cujos filmes antecipam um futuro que queremos acompanhar, Maureen Fazendeiro ,Alex Siqueira e Laura Carreira. E porque o festival se faz também de continuidade, regressam a Vila do Conde este ano: Mariana Gaivão, André Marques, Paulo Furtado e Pedro Neves. A selecção para a Competição Nacional completa-se com os mais recentes trabalhos de Rui Esperança, Vasco Saltão, Miguel Afonso, Francisco Valente e Márcio Laranjeira & Sérgio Brás d’Almeida. Estas sessões vão ser seguidas de uma conversa com os realizadores.

E porque olhar o agora do cinema nacional é também perceber em retrospectiva, passam pelo Curtas uma selecção de filmes que, pela história, prémios ou percurso internacional se destacaram na produção recente do país. Em Julho, vai ser possível ver, em Vila do Conde, as obras mais recentes de Susana de Sousa Dias (Fordlândia Malaise, estreado na Berlinale), Jorge Jácome (Past Perfect, estreado na Berlinale e premiado no IndieLisboa e no Festival de Curtas Metragens de Hamburgo), Catarina Mourão (O mar Enrola na Areia, selecionado para o Visions du Réel, É tudo verdade e Oberhausen), Sílvia das Fadas (A Casa, a Verdadeira e a Seguinte, Ainda Está por Fazer, premiado no IndieLisboa) e Helena Estrela (Bela Mandil, selecionado para a Viennale).

O cinema português vai marcar ainda as sessões especiais e diferentes segmentos programáticos do festival. Já anunciados estavam o foco na obra de Carlos Conceição, as sessões especiais dedicadas ao 50º aniversário da morte de José Régio e o centenário do nascimento de Sophia de Mello Breyner Andresen. A marcar o primeiro fim-de-semana do Curtas, a estreia do documentário que assinala o quarto de século de Mutantes S. 21- 25 anos depois, um dos mais emblemáticos discos dos Mão Morta. A sessão será acompanhada por uma conversa com a banda moderada por Valter Hugo Mãe. Na secção Da Curta à Longa, antestreia dos dois primeiros episódios da primeira série da dupla Marco Leão e André Santos, Luz Vermelha, inspirada na história das Mães de Bragança e com interpretações, entre outros, de Margarida Vila-Nova, Afonso Pimentel, Joaquim Monchique e Sara Norte.

A selecção nacional do Curtas inclui ainda um espaço dedicado ao cinema de escola, Take One!, com uma selecção heterogénea de obras produzidas por alunos portugueses em escolas nacionais e estrangeiras; uma carta branca a João Nicolau inserida nas celebração do seu 20º aniversário da Agência da Curta Metragem; e um espaço dedicado a vídeos de música que demonstram particular relação com a linguagem cinematográfica. Nesta edição, entre outros, concorrem os vídeos musicais de Bruno Ferreira (para Everybody, de Sinkane), de Pedro Maia (para Paplu (Love That Moves The Sun), de Vessel), do trio André Carrilho + Rui Clara Gomes + Mantraste(para Balança, de Throes + The Shine), de Diogo Tudela (para Swisid Mekanize Rejiman, de HHY & The Macumbas) e de Leonor Teles (para Chavitas, dos Sensible Soccers).

Integrará ainda a 27ª Edição do Curtas, uma competição internacional com obras vindas de diferentes hemisférios, uma competição experimental e uma secção infanto-juvenil com cinema e oficinas pensadas para crianças, jovens e famílias. Em foco estarão também as obras de Todd Solondz e Carlos Conceição, assim como o cinema restaurado, naquela que é a nova secção de Cinema Revisitado. Em Vila do Conde será ainda possível ver os filmes-concerto de Thurston Moore, The Heliocentrics e Montanhas Azuis.

A programação completa de sessões, festas e actividades paralelas da 27ª Edição do Curtas pode ser consultada no site do evento em www.curtas.pt.

spot video curtas 2019

"A força da terra expressa-se a norte num lugar onde as erupções se aliam à energia do vento para moldar uma extensa e variada topografia."Spot video da 27.ª edição do Curtas by LOOP.

Publicado por Curtas Vila do Conde – International Film Festival em Quarta-feira, 19 de junho de 2019

GRANDES CONCERTOS DO CASINO ESTÃO DE VOLTA!

Os Grandes Concertos do Casino Estoril estão de volta! No ano em que o Casino Estoril celebra o 20º aniversário do emblemático ciclo de Grandes Concertos, a edição deste ano conta com um notável cartaz que promete conquistar os seus visitantes, de 20 de Junho a 8 de Agosto,  a partir das 23 horas, no Lounge D, com entrada livre.

Com um genuíno ambiente festivo, o ciclo de Grandes Concertos registou, desde o seu início, uma expressiva afluência de público, distinguindo-se, ano após ano, por promover a melhor música portuguesa.

O Casino Estoril ofereceu, nas duas últimas décadas, um total de 224 concertos protagonizados por um excepcional elenco de artistas. Predominaram os intérpretes portugueses, tendo, pontualmente, alguns artistas internacionais integrado também este emblemático ciclo musical que se tornou uma referência dos espectáculos agendados durante o Verão em Portugal.

Referência obrigatória na música pop produzida em Portugal nas últimas décadas, Paulo Gonzo inicia, a 20 de Junho, o programa deste ano. Após ter inaugurado, há 20 anos, o ciclo de Grandes Concertos do Casino Estoril, o artista regressa ao Lounge D para recuperar os melhores sucessos da sua carreira.

Paulo Gonzo coleciona êxitos em português e nunca abdicou de mostrar como é um devoto incondicional da soul e do blues. O seu talento e sucesso como cantor, compositor e intérprete fazem deste músico (que já vendeu mais 500.000 álbuns até à data), um dos mais conceituados artistas portugueses da actualidade.

O programa dos  Grandes Concertos é o seguinte:

– 20 de Junho: Paulo Gonzo

– 27 de Junho: Tiago Bettencourt

 – 04 de Julho: David Fonseca

– 11 de Julho: HMB

– 18 de Julho: Pedro Abrunhosa

– 25 de Julho: Capitão Fausto

– 01 de Agosto: Miguel Araújo

– 08 de Agosto: Mariza

O acesso ao Casino Lisboa é livre, sendo que a partir das 22 horas, é para maiores de 14 anos, e maiores de 10 anos acompanhados pelos pais. Nas áreas de Jogo é para maiores de 18 anos.

20 anos Grandes Concertos do Casino Estoril

Promovemos e apoiamos a música portuguesa há 20 anos. Faça parte da nossa história!

Publicado por Casino Estoril em Segunda-feira, 3 de junho de 2019

ROTA DAS TAPAS 2019 – ESTRELLA DAMM EM BUSCA DOS SABORES MAIS SURPREENDENTES

A partir de hoje, 23 de Maio a Rota de Tapas volta a correr Portugal de norte a sul. Desta vez, além de Lisboa, Porto, Braga, Faro, Aveiro, Évora e Viseu, Caldas da Rainha e Castelo Branco, também estão presentes nesta rota gastronómica.

São 9 cidades, 18 dias e 201 tapas, que a Estrella Damm apresentou como desafio aos Chefs para confecionar uma tapa única e especial que convida a saborear o momento e explorar a cidade em busca dos sabores mais surpreendentes.

Clique em cada uma das cidades e fique a conhecer todos os restaurantes aderentes: Lisboa, Porto, Braga, Faro, Aveiro, Évora, Viseu, Castelo Branco e Caldas da Rainha, onde por 3€, Estrella Damm dá-te a conhecer um conjunto de tapas especialmente criadas para a ocasião.

Entre no desafio, experimente as várias combinações gastronómicas e habilite-se a ganhar uma viagem a Barcelona para duas pessoas durante 3 dias, para 2 pessoas mais um jantar no Tickets.

IBERIAN FESTIVAL AWARDS 2019: VENCEDORES SERÃO CONHECIDOS JÁ NA PRÓXIMA SEMANA

A gala dos Iberian Festival Awards, integrado no TALKFEST – International Music Festivals Forum, com 8ªedição marcada para março entre as cidades de Vigo (sessão 1 – 13 março) e Lisboa (sessão 2 – 22 março), faz hoje o preview do que pode ser esperado nesta edição.

A quarta edição da gala ocorrerá já na próxima 4ªfeira em Vigo, em pleno Teatro Afundación, um dos espaços culturais emblemáticos da cidade.

Os Iberian Festival Awards são a única celebração coletiva ibérica relacionada com a área dos festivais de música e os seus stakeholders (e.g. promotores, agentes, artistas, marcas, meios de comunicação e prestadores de serviços) e mais do que um momento de vencedores, finalistas e nomeados este momento serve para a indústria se encontrar, realizar networking, potenciar os seus negócios e alicerçar parcerias e estratégias para o corrente ano. Serão atribuídos prémios a vencedores nacionais e ibéricos em 22 categorias e conhecido o Excellence Award, em decisões atribuídas pelo público que votou e pelo júri que foi composto por 9 elementos (Portugal, Espanha e Internacional).

A Aporfest transfere nesta edição parte do seu Fundo Social ao vencedor da categoria “Best Small Festival” com vista a apoiar o seu desenvolvimento. As entregas dos prémios serão dados na sua maioria por entidades governamentais de Portugal e da região de Vigo assim como sponsors, elementos do júri ou especialistas em cada área premiada.

Além da gala existirá bar aberto a todos presentes e um piano bar (powered by ArtCor Light), assim como ativações de marca e atividades lúdicas (e.g. Photobooth) para dali serem dadas novas memórias deste encontro.

A gala terá um broadcast para rádio e online (em direto) e será transmitida em diferido na TV.

HOSTS

Pedro Luzindro (ator e comediante) que é já o mestre de cerimónias residente, terá este ano a companhia de Ana Cristina Câmara (atriz e encenadora). Juntos garantirão boa disposição e boas ou más piadas das diferenças culturais e de vivências nos festivais pelo público em Portugal e em Espanha.

LIVE ACTS E DJ

Seis atuações aos vivo ibéricas. De Portugal atuarão Joana Espadinha e Filipe Sambadoconsiderados pela crítica como executantes de excelentes álbuns em 2018 e Bezegol & Rude Bwoy Banda que mistura a sonoridade hip-hop e reggae e que fará um medley na gala. De Espanha teremos os galegos Kings of the Beach (presentes na final do Festival Termómetro) e Vudú, a que se junta o noise rock dos Disco Las Palmeras! A noite e a zona lounge terão a abertura e a afterparty pela Dj Diana Oliveira que em 2018 atuou no festival Neopop e Elétrico.

HORÁRIOS

20h30 – Abertura de portas & Opening party | Hall do Teatro, open bar

21h30 – Início da gala | Auditório

22h45 – Intervalo | Hall do Teatro, open bar

23h00 – 2ª parte da gala | Auditório

00h00/01h30 – Afterparty | Hall do Teatro, open bar

CATEGORIAS

  • Best Major Festival powered by See Tickets
  • Best Medium-Sized Festival
  • Best Small Festival
  • Best Touristic Promotion
  • Best New Festival 
  • Best Line-up powered by ArtCor Light
  • Best Indoor Festival 
  • Best Cultural Programme
  • Best Communication 
  • Best Hosting and Reception
  • Best Infrastructure
  • Contribution to Sustainability 
  • Best Lusophone and Hispanic Festival
  • Best Academic Festival
  • Best Non Music Festival 
  • Best Festivity 
  • Best Service Provider 
  • Best Brand Activation
  • Best Use of Technology
  • Best Media Partner 
  • Best Live Performance
  • Best Live Performance (Int.) 
  • Excellence Award 

FEIRA DE MARÇO ESTÁ DE REGRESSO A AVEIRO

A Feira de Março 2019 realiza-se entre os dias 23 de março e 25 de abril, no Parque de Feiras e Exposições de Aveiro. Um mês de pura animação para os fãs da gastronomia, da adrenalina e da música, num dos principais parques de diversão do país.

O programa da Feira de Março 2019 é muito intenso e diversificado, integrando um animado parque de diversões, uma renovada tenda da música onde os dez Concertos principais vão acontecer, com propostas dirigidas a todos os públicos, mas também é artesanato, Ovos Moles, Farturas, gastronomia rica e muito mais.

Fazem parte do cartaz musical, Os Quatro e Meia, Paulo de Carvalho, Xutos & Pontapés, Anselmo Ralph, RFM Dancefloor – Rich & Mendes, Piruka, Lucas Lucco, Blaya, Olavo Bilac, Jimmy P e Toy.

Saiba tudo sobre este evento aqui.

Publicado por Feira de Março em Segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

FEIRA DA FODA ESTÁ DE VOLTA A PIAS – MONÇÃO

A III Edição da Feira da Foda, vai decorrer nos dias 29, 30 e 31 de Março em Pias – Monção, este ano no campo de futebol da freguesia, atendendo aos milhares de visitantes que este evento vem registando de ano para ano.

A feira de «nome ousado e sabor autêntico», como a descreve o município de Monção, está de regresso com um programa de degustação do cordeiro à moda de Monção, conhecido como «Foda à Monção». Trata-se de um prato de cordeiro feito em forno a lenha que se tornou, «desde há vários anos, uma referência na gastronomia monçanense», e que deve o seu nome peculiar a uma tradição antiga da população.

Saiba tudo sobre este evento clicando aqui.

A imagem pode conter: texto
III Edição da Feira da Foda

Video promocional da III Edição da Feira da Foda.

Publicado por All Stars Radio em Segunda-feira, 4 de março de 2019

MAUS HÁBITOS COMEÇAM BEM O NOVO ANO

Arranca em força o calendário musical do novo ano do Maus Hábitos. Da digressão nacional de clubes de PAUS ao pontapé de saída para mais uma Super Nova, passando por mais uma edição do Salgado Faz Anos … FEST!, são vários os momentos a marcar na agenda de concertos da incontornável sala portuense.

 

Em 2019 os PAUS celebram 10 anos de banda. Dez anos em que se propuseram a coisas tão disparatadas que a ideia de falhar não pudesse, sequer, soar a fracasso. Mas a verdade é que muitas dessas ideias, à partida, disparatadas, acabaram por se concretizar. E é isso mesmo que se pretende celebrar em 2019. Não uma idade, não um estatuto, mas sim a ideia de que sonhar é bom e, às vezes, até se pode tornar realidade. Em 2019 haverá muita coisa nova a acontecer na vida dos PAUS. A primeira é o concerto do Musicbox, em Lisboa, no dia 4 de Janeiro, de onde a banda parte para um tour de clubes em todo o país. A data do Porto já está confirmada. Dia 31 de Janeiro, há MADEIRA e mais para ouvir no número 178 da Rua Passos Manuel.

 

Arranca com Super Nova o novo ano de 2019. A partir de 11 de Janeiro há um novo grupo de bandas nacionais a percorrer o país de lés-a-lés na tour de casas que conta com o apoio da Super Bock. As três bandas que dão o mote para a quinta edição do circuito itinerante são: Black BombaimMoon Preachers e The Twist Connection. Promessa certa de rock a passar pelo Porto (Maus Hábitos), Barcelos (CCOB), Évora (SHE), Leiria (Stereogun), Torres Vedras (Bang Venue) e Aveiro (GrETUA). As entradas dão direito a duas Super Bock, à exceção do Maus Hábitos, onde o acesso é livre. O pontapé de arranque contará, como de costume, com mais uma edição das conversas de bastidores. Dia 11 de Janeiro passam pelo Maus Hábitos Nelson Ferreira (SBSR Fm), José Roberto Gomes (Killimanjaro), António Pedro Lopes (Tremor), Mariana Duarte (Ípsilon/Time Out) e Raquel Serra (Maternidade).

 

Vai já na sétima edição o festival que é também uma festa de aniversário. O Salgado Faz Anos … FEST! regressa a 26 de Janeiro com mais de 9 horas de música espalhadas por quatro palcos. A casa é, como sempre, o Maus Hábitos por onde passarão nomes como The Parkinsons, Solar Corona, Pretu (novo projecto de Chullage), Sereias ou Palmiers.

 

A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas a sorrir, texto

PROGRAMA

Quarta, 11 Janeiro, 22h00
Super Novafeat. Black Bombaim, The Twist Connection, Moon Preachers . Concerto
Lovers & Lollypops Soundsystem . Clubbing

 

Quinta, 12 Janeiro, 00h00
Purple Hazin by Monster Jinx . Clubbing

 

Terça, 15 de Janeiro, 22h00
Tamar Aphek . Concerto

 

Quinta, 17 de Janeiro, 22h00
Talea Jacta Est com André Couto

 

Quinta, 17 de Janeiro, 22h30
Downtempo . Clubbing

 

Sexta, 18 de Janeiro, 00h00
Beyoncé Fest . Clubbing

 

Sábado, 19 de Janeiro, 22h00
Noite Crónica . Concerto/Clubbing

 

Quinta, 24 de Janeiro, 22h00 
Sun Blossom + Gabriel Ferrandini . Concerto
Downtempo . Clubbing

 

Sexta, 25 de Janeiro, 00h00
Enter The Void . Clubbing

 

Sábado, 26 de Janeiro, 21h30
O Salgado Faz Anos… FEST! . Concertos/Clubbing

Quinta, 31 de Janeiro, 22h00
PAUS . Concerto
Downtempo . Clubbing

 

MAUS HÁBITOS – Espaço de Intervenção Cultural
Rua Passos Manuel, 178 4º
Porto
22 208 7268

 

AUTO DE NATAL DA TRINDADE RETOMA TRADIÇÃO EM BEJA

Auto de Natal da Trindade é uma manifestação cultural secular celebrada na aldeia de Trindade e que remete para uma tradição de teatros populares que em tempos pontuavam a paisagem rural alentejana. Por força e tenacidade de Mariana Lopes e de um grupo de familiares e amigos, a Trindade é o último reduto onde ainda se faz levantar a peça com base num documento, escrito a pena, com vários séculos de história do qual dona Mariana Lopes é guardiã.

Dia 12 de janeiro, na Rua de Santo Andrépelas 18h30, depois de 2 anos de interregno e dolorosas dúvidas sobre se teria o Auto da Trindade tido o seu fim, vai levantar-se o auto da Trindade numa ação conjunta da comunidade e a Câmara Municipal de Beja/Biblioteca Municipal de Beja/Centro Unesco para a Salvaguarda do PCI, a União de Freguesias de Albernoa e Trindade, a delegação da Cruz Vermelha de Beja e a companhia de teatro Baal17. Esta original manifestação é apoiada pelo Projeto 1234.REDES.

Neste dia, durante cerca de três horas serão apresentados ao público os principais momentos de uma peça que conta a história da criação do mundo e da vinda do “Salvador” através de uma narrativa que ultrapassa a descrição normativa da história dos doze dias. Este retomar de uma história de séculos centrada na Trindade será apenas o início. Pretende-se que este “ensaio assistido” ou apresentação resumida do longuíssimo auto, marque o início de um projeto de salvaguarda da manifestação que possibilite o seu estudo aprofundado, infelizmente ainda por realizar, e crie condições para que se possa levantar o Auto na sua totalidade convocando a comunidade da Trindade e de Beja para a sua representação no final de 2019.

É inegável o valor patrimonial do Auto de Natal da Trindade. Para além do valor histórico e da beleza e sabedoria dos versos que ali encontramos, foi fator de coesão de uma comunidade durante décadas. Hoje é uma viagem à memória e àquilo que nos diferencia, àquilo que resiste apesar de todas as crises, é a representação de uma cultura legítima, de elevado valor, que tem ainda lugar na contemporaneidade e deve ser reconhecida como tal. Dia 12 será representado parte de um texto único e, sobretudo, serão homenageados os seus portadores.

Criar Conta de Utilizador