TEATRO &
ARTE
MÚSICA &
FESTIVAIS
GASTRONOMIA
FAMÍLIA &
ENTRETENIMENTO
DESPORTO &
AVENTURA
TODOS OS
EVENTOS

FEIRAS E SEMANAS GASTRONÓMICAS QUE NÃO DEVE PERDER EM FEVEREIRO 2020

Há um conjunto de feiras e semanas gastronómicas que não deve perder durante o mês de fevereiro, e por isso a Coolture preparou um guia de norte a sul para o ajudar a conhecer os melhores locais, onde na origem pode adquirir e degustar do melhor que se faz neste país. Desde as semanas gastronómicas da lampreia, enguias e porco, até às feiras do fumeiro e do queijo da Serra, tem de tudo um pouco para passar fins de semana muito agradáveis, visitando as melhores feiras e semanas gastronómicas.

FESTIVAL DA LAMPREIA PENACOVA

Janeiro a Abril

Há um conjunto de feiras e semanas gastronómicas que não deve perder durante o mês de fevereiro, e por isso a Coolture preparou um guia de norte a sul para o ajudar a conhecer os melhores locais, onde na origem para adquirir e degustar do melhor que se faz neste país. Desde as semanas gastronómicas da lampreia, enguias e porco, até às feiras do fumeiro e do queijo da Serra, tem de tudo um pouco para passar fins de semana muito agradáveis, visitando as melhores feiras e semanas gastronómicas.

De Janeiro a Abril, está aberta a época oficial da lampreia em Penacova. A Câmara Municipal de Penacova promove mais uma vez o Festival da Lampreia, que vai contar com a participação de alguns dos restaurantes do concelho, especialistas na confeção desta iguaria. Saiba mais aqui.

FESTIVAL DA ENGUIA DA LAGOA DE SANTO ANDRÉ

24 de janeiro a 9 de fevereiro

Há um conjunto de feiras e semanas gastronómicas que não deve perder durante o mês de fevereiro, e por isso a Coolture preparou um guia de norte a sul para o ajudar a conhecer os melhores locais, onde na origem para adquirir e degustar do melhor que se faz neste país. Desde as semanas gastronómicas da lampreia, enguias e porco, até às feiras do fumeiro e do queijo da Serra, tem de tudo um pouco para passar fins de semana muito agradáveis, visitando as melhores feiras e semanas gastronómicas.

De 24 de janeiro a 9 de fevereiro realiza-se a VI edição do Festival da Enguia da Lagoa de Santo André, com 9 restaurantes participantes, onde os visitantes podem apreciar os melhores sabores desta magnífica iguaria, que é a enguia.

Os visitantes poderão encontrar várias propostas de confeção desta iguaria, desde enguias fritas com açorda alentejana, com migas verdes ou com batata-doce, em ensopado ou de caldeirada, de cataplana, de escabeche e grelhadas “à bulhão pato” com arroz de coentros. Saiba mais aqui.

FESTIVAL GASTRONÓMICO “VILA VIÇOSA À MESA” – SEMANA DO PORCO

3 a 9 de fevereiro

Há um conjunto de feiras e semanas gastronómicas que não deve perder durante o mês de fevereiro, e por isso a Coolture preparou um guia de norte a sul para o ajudar a conhecer os melhores locais, onde na origem para adquirir e degustar do melhor que se faz neste país. Desde as semanas gastronómicas da lampreia, enguias e porco, até às feiras do fumeiro e do queijo da Serra, tem de tudo um pouco para passar fins de semana muito agradáveis, visitando as melhores feiras e semanas gastronómicas.

Decorre entre os dias 3 e 9 de Fevereiro, nos estabelecimentos de restauração aderentes ao Festival Gastronómico “Vila Viçosa à Mesa, a Semana do Porco. Os restaurantes intervenientes apresentam as suas melhores iguarias de carne de porco, podendo ser degustados pratos de secretos, plumas, bochechas, pezinhos, lombinhos, febras, entrecosto, costeletas, cachaço, feijoada, cachola da matança, confecionados através da aplicação de diversas receitas tradicionais e com os mais variados acompanhamentos. Saiba mais aqui.

FEIRA DO FUMEIRO VINHAIS

6 a 9 de fevereiro

VINHAIS FEIRA DO FUMEIRO 2020 - A Feira do Fumeiro de Vinhais realiza-se anualmente, em fevereiro, desde 1981. Destaca-se das demais pelo seu fumeiro de excelência que lhe valeu a atribuição do título de a “Capital do Fumeiro”.

A Feira do Fumeiro de Vinhais realiza-se anualmente, em fevereiro, desde 1981. Destaca-se das demais pelo seu fumeiro de excelência que lhe valeu a atribuição do título de a “Capital do Fumeiro”. Nos quatro dias de feira, de 6 a 9 de Fevereiro, além do fumeiro de raça bísara, estão disponíveis produtos naturais da região, artesanato, produtos gourmet, espetáculos musicais, luta de touros, tasquinhas e restaurantes preparados para receber milhares de visitantes todos os anos. Saiba mais aqui.

FEIRA DO PASTOR E DO QUEIJO PENALVA DO CASTELO

8 e 9 de fevereiro

FEIRA DO PASTOR E DO QUEIJO 2020 | PENALVA DO CASTELO - Nos dias 8 e 9 de fevereiro, Penalva do Castelo é palco de mais uma edição da Feira do Pastor e do Queijo.

Nos dias 8 e 9 de fevereiro, Penalva do Castelo é palco de mais uma edição da Feira do Pastor e do Queijo. Um evento repleto de animação musical e de rua, Exposições, Mostra de Artesanato, Degustação de Vinhos do Dão de Penalva do Castelo e Prova de Queijos. Saiba mais aqui.

FEIRA DO FUMEIRO VIEIRA DO MINHO

14 a 16 de fevereiro

FEIRA DO FUMEIRO 2020 VIEIRA DO MINHO - O Maior evento gastronómico do Minho, já tem data marcada. Trata-se da 14ª edição da Feira do Fumeiro de Vieira do Minho e vai realizar-se de 14 a 16 de Fevereiro de 2020.

O maior evento gastronómico do Minho, já tem data marcada. Trata-se da 14ª edição da Feira do Fumeiro de Vieira do Minho e vai realizar-se de 14 a 16 de Fevereiro de 2020. A Feira do Fumeiro promete, uma vez mais ser um evento de excelência que vai reunir num só espaço os vários produtores concelhios, divulgando todas as potencialidades e saber fazer deste Concelho Minhoto. Saiba mais aqui.

FESTIVAL DE SOPAS E ENCONTROS DE RANCHOS DE DE SERNANCELHE

14 a 16 de fevereiro

7º FESTIVAL DE SOPAS E ENCONTRO DE RANCHOS 2020 - Promovido pelo Município de Sernancelhe, vai decorrer de 14 a 16 de Fevereiro, o 7º Festival de Sopas e Encontro de Ranchos 2020. O evento terá lugar na ExpoSalão Multiusos local.

Promovido pelo Município de Sernancelhe, vai decorrer de 14 a 16 de Fevereiro, o 7º Festival de Sopas e Encontro de Ranchos 2020. O evento terá lugar na ExpoSalão Multiusos local. Saiba mais aqui.

SABORES MIRANDESES MIRANDA DO DOURO

14 a 16 de fevereiro

FEIRAS E SEMANAS GASTRONÓMICAS QUE NÃO DEVE PERDER EM FEVEREIRO 2020

O Festival de Gastronomia e Artesanato – Sabores Mirandeses 2020, realiza-se de 14 a 16 de fevereiro, no Jardim dos Frades Trinos, em Miranda do Douro. Este é já um evento de referência na região que pretende desenvolver, apoiar e reforçar a competitividade dos produtos tradicionais e locais, desde o artesanato, a doçaria e as raças autóctones (Vitela Mirandesa, Cordeiro de Raça Churra Galega Mirandesa, porco e seus derivados). Saiba mais aqui.

FESTIVAL GASTRONÓMICO DO RANCHO DE MIRANDELA

15 de fevereiro

FESTIVAL GASTRONÓMICO DO RANCHO DE MIRANDELA 2020 - O famoso Rancho de Mirandela regressa ao Mercado Municipal no dia 15 de fevereiro.

O famoso Rancho de Mirandela regressa ao Mercado Municipal no dia 15 de fevereiro. O Festival Gastronómico do Rancho de Mirandela homenageia, um prato típico, enraizado na memória colectiva dos mirandelenses e na cultura gastronómica do Concelho, mas também de promoção da restauração local que tem sabido preservar este produto único e muito apreciado. Saiba mais aqui.

100% AGROLIMIANO PONTE DE LIMA

15 e 16 de fevereiro

FEIRA 100% AGROLIMIANO 2020 | PONTE DE LIMA - A Feira 100% Agrolimiano está de volta a Ponte de Lima, nos dias 15 e 16 de fevereiro de 2020, para preservar e divulgar a cultura agrária de Ponte Lima.

A Feira 100% Agrolimiano está de volta a Ponte de Lima, nos dias 15 e 16 de fevereiro de 2020, para preservar e divulgar a cultura agrária de Ponte Lima. De olho no mercado consumidor, mas também produtor, a Feira faz o apogeu do mundo rural limiano. Saiba mais aqui.

ARCOS À MESA – COZIDO À MODA DOS ARCOS DE VALDEVEZ

15 e 16 de fevereiro

COZIDO À MODA DOS ARCOS DE VALDEVEZ 2020 - Os fins de semana gastronómicos, "Arcos à Mesa", estão de regresso nos próximos dias 15 e 16 de fevereiro.

Os fins de semana gastronómicos “Arcos à Mesa”, estão de regresso nos próximos dias 15 e 16 de fevereiro. O regresso da iniciativa faz-se com o tradicional Cozido à Moda dos Arcos de Valdevez, que estará em destaque nas ementas dos 17 restaurantes aderentes. Saiba mais aqui.

FESTIVAL DO BUTELO & DAS CASULAS & CARNAVAL DOS CARETOS – BRAGANÇA

21 a 23 de fevereiro

FESTIVAL DO BUTELO E DAS CASULAS E CARNAVAL DOS CARETOS 2020 - A Câmara Municipal de Bragança, promove mais uma vez o Festival do Butelo e das Casulas e Carnaval dos Caretos, de 21 a 23 de fevereiro. É uma forma de assinalar o Carnaval, juntando a Gastronomia e o Património Cultural de Trás-os-Montes.

A Câmara Municipal de Bragança, promove mais uma vez o Festival do Butelo e das Casulas e Carnaval dos Caretos, de 21 a 23 de fevereiro. É uma forma de assinalar o Carnaval, juntando a Gastronomia e o Património Cultural de Trás-os-Montes. Saiba mais aqui.

FIM DE SEMANA GASTRONÓMICO DO DOMINGO GORDO – PONTE DE LIMA

22 e 23 de fevereiro

FEIRAS E SEMANAS GASTRONÓMICAS QUE NÃO DEVE PERDER EM FEVEREIRO 2020

É à mesa que Ponte de Lima se experiencia na plenitude. Saberes e sabores são singularmente combinados, dias 22 e 23 de Fevereiro, no Fim de Semana Gastronómico do Domingo Gordo. Saiba mais aqui.

FEIRA DO QUEIJO DA SERRA – GOUVEIA

23 de fevereiro

FEIRA DO QUEIJO DA SERRA 2020 | GOUVEIA - A Feira do Queijo este ano terá lugar no dia 23 de fevereiro, Domingo Gordo, no Mercado Municipal Provisório - Pavilhão da Ex Bellino & Bellino, em Gouveia, num evento onde os pastores, as queijarias e os produtores de queijo são as principais figuras de cartaz e o Queijo Serra da Estrela o produto de excelência em destaque!

A Feira do Queijo este ano terá lugar no dia 23 de fevereiro, Domingo Gordo, no Mercado Municipal Provisório – Pavilhão da Ex Bellino & Bellino, em Gouveia, num evento onde os pastores, as queijarias e os produtores de queijo são as principais figuras de cartaz e o Queijo Serra da Estrela o produto de excelência em destaque! Saiba mais aqui.

FEIRA DO QUEIJO DA SERRA DA ESTRELA – SEIA

22 a 25 de fevereiro

SEIA - FEIRA DO QUEIJO DA SERRA DA ESTRELA 2020 - A Câmara Municipal de Seia realiza na altura do Carnaval mais uma edição da Feira do Queijo. A 43ª Feira do Queijo decorre, como vem sendo habitual, ao longo de quatro dias, este ano de 22 a 25 de fevereiro.

A Câmara Municipal de Seia realiza na altura do Carnaval mais uma edição da Feira do Queijo. A 43ª Feira do Queijo decorre, como vem sendo habitual, ao longo de quatro dias, este ano de 22 a 25 de fevereiro. Saiba mais aqui.

EXPO ESTRELA 2020 – MANTEIGAS

22 a 25 de fevereiro

FEIRAS E SEMANAS GASTRONÓMICAS QUE NÃO DEVE PERDER EM FEVEREIRO 2020

22 a 25 de fevereiro

Integrado na Expo Estrela 2020 em Manteigas, a Prova do Queijo da Serra da Estrela, decorre de 22 a 25 de fevereiro. Saiba mais aqui.

FEIRA DO QUEIJO CELORICO DA BEIRA

28, 29 de fevereiro e 1 de março

CELORICO DA BEIRA - FEIRA DO QUEIJO 2020 -  A tradicional Feira do Queijo vai decorrer a 28, 29 Fevereiro e 1 de Março, em Celorico da Beira. Prove a excelência do Queijo Serra da Estrela, bem como a qualidade dos produtos regionais e um programa cheio de animação que a Feira tem para lhe oferecer.

A tradicional Feira do Queijo, vai decorrer a 28, 29 de fevereiro e 1 de março, em Celorico da Beira. Prove a excelência do Queijo da Serra da Estrela, bem como a qualidade dos produtos regionais e um programa cheio de animação que esta feira tem para lhe oferecer. Saiba mais aqui.

BRUNCH AOS SÁBADOS NO LISBON MARRIOTT HOTEL

O Restaurante CITRUS, do Lisbon Marriott Hotel, serve agora um Brunch aos sábados, onde vale mesmo a pena ir com toda a família e saborear as delícias preparadas pelo Chef António Alexandre.

O tour gastronómico começa com sumo de laranja natural, sumos detox, frutos secos e frutos vermelhos acompanhado por uma grande variedade de pães.

O Brunch é composto por pratos frios, uma rica variedade de saladas, gaspacho de morango com tostas de azeite, rolinhos de arroz com crudites de pepino e  cenoura, poke bowl de legumes, tábua de queijos e charcutaria , compotas, frutos secos e perna de presunto com tomatada . Nos pratos quentes temos uma estação de omeletes, quiches Lorraine e vegetariana, arroz selvagem com frutos secos, especialidade vegetariana do dia, pato assado com laranja e canela, corvina assada com mexilhões, tomate e coentros, batata assada com açafrão e especiarias, castanhas assadas com cebolinho e tomilho, carne de novilho assado com condimentos e noodles com tofu marinado e citrinos.

Finalize a refeição com deliciosas sobremesas, nas quais não falta panacotta de manga, bolo de limão, brownie, muffin de figos, creme brulée, bolo de pistachios, bolo de chocolate, baklava de frutos secos, semi-frio de abóbora, pudim de chia e a estação de vienoiserie.

Depois deste composto brunch sugerimos uma caminhada pelo jardim tropical do hotel ao redor da piscina que nos dá a impressão de estarmos fora da cidade. Um verdadeiro Oásis na cidade!

 

LISBON MARRIOTT HOTEL

RESTAURANTE CITRUS

Av. dos Combatentes, 45 – Lisboa

Brunch todos os sábados das 12 h às 16 horas

Preço por pessoa: 28 €, com bar aberto de bebidas alcóolicas selecionadas

As crianças até aos 6 anos não pagam e dos 7 aos 12 anos só pagam metade.

PRIMEIRA OURIÇARIA EM FORMATO POP UP ABRE NO MERCADO DA ERICEIRA

primeira Ouriçaria nacional, em formato pop up, abre agora no Mercado Municipal da Ericeira e ficará até abril – os meses correspondentes à época dos ouriços. Assim, às quintas e sextas das 10h às 14h e sábados e domingos das 10h às 18 horas, na localidade cujo nome é já um hino ao ouriço, poderemos provar e aprender mais sobre este manjar do mar.

Já não é segredo para ninguém, que o ouriço-do-mar é umas das grandes iguarias gastronómicas da nossa costa. O que ainda não havia era um local que, por um lado, lhe prestasse a devida homenagem e, por outro, o aproximasse de quem o quer conhecer melhor. E provar, claro.

PRIMEIRA OURIÇARIA EM FORMATO POP UP ABRE NO MERCADO DA ERICEIRA

Pelas mãos de Nuno Nobre, consultor gastronómico e um entusiasta do mar, a Ericeira ganha assim um espaço onde todos são bem-vindos para esclarecer dúvidas, onde se vão partilhar ideias, fazer casamentos mais ou menos improváveis entre o ouriço e outros produtos endógenos da região e onde é possível aprender – a abrir um ouriço, por exemplo.

E o menu é uma festa de sabores. Além do Ouriço ao Natural (para consumir na hora ou levar), haverá Sopa de Ouriço e Algas, Salada de Ouriço com Raia e a Malga Jagoz (uma poke com peixe local do dia). Tudo acompanhado por vinhos de produtores da região: Adega Cooperativa da Azueira, Manz Wines e Quinta de Sant’Ana.

Com o apoio do Município de Mafra, responsável pela divulgação e valorização desta delícia marinha através da realização anual do Festival Internacional do Ouriço-do-Mar desde 2015 (6.ª edição em 2020), Nuno Nobre vê assim realizado mais um sonho. No âmbito do Festival, projeto Ouriceira Mar e com assinatura Acepipe, o seu novo projeto com o chef Luis Rodrigues, a Ouriçaria é o espaço que faltava para levar o caviar de Portugal às papilas gustativas de todos, portugueses e estrangeiros, que insistem na autenticidade e que fazem questão de se sentir integrados em projetos de impacto ambiental e sócio-económico.

E a Ouriçaria promete tornar-se lugar de romaria não apenas para os incondicionais do ouriço mas para todos para quem comer é também um ato lúdico e cultural.

 

© Fotografias de Jorge Simão

FESTA DO ESPUMANTE UMA OPORTUNIDADE PARA DESCOBRIR MELGAÇO

A Festa do Espumante de Melgaço, na sua V Edição vai reunir uma grande montra de espumantes de Alvarinho, diversidade de produtos regionais, sessões de showcooking com chefes Michelin e provas comentadas. O certame decorre de 22 a 24 de Novembro, no Largo do Mercado, e é uma oportunidade para descobrir Melgaço e toda a riqueza de uma região.

A Festa do Espumante de Melgaço tem como objetivo contribuir para afirmar a identidade de Monção & Melgaço como território vínico de excelência, fruto de condições naturais e humanas singulares: solo, microclima e saber-fazer. Com o consumo de espumantes a crescer de ano para ano, a Câmara Municipal de Melgaço pretende apostar num segmento que se tem revelado num dos mais bem-sucedidos produtos já experimentados.

A elevada adesão ao evento, levou ao aumento da área de exposição, num total de 1350 metros quadrados. Estarão em prova 26 espumantes produzidos por 14 produtores de Monção e Melgaço: Adega do Sossego, Alvaianas, Casa de Canhotos, Cortinha Velha, Dom Ponciano, Dona Paterna, PROVAM, Quinta do Mascanho, Quinta do Regueiro, Quintas de Melgaço, Reguengo de Melgaço, Soalheiro, Terras de Real e Valados de Melgaço.

À Festa junta-se um vasto conjunto de produtores regionais, que apresentarão iguarias de elevada qualidade, tais como fumeiro, enchidos, queijos e doçaria: Melgaço em Sabores, Mel do Zé, Prados de Melgaço, Prendokas, Quinta de Folga, NB Bruno Afonso, Broa de Mel e Sabores Castrejos. O restaurante Chafarix/DOP MAT, mestre na confeção do maravilhoso receituário de Melgaço e do Alto Minho, irá apresentar variadas propostas gastronómicas. 

Merecem ainda destaque as sessões de cozinha ao vivo com a assinatura de mediáticos cozinheiros que reinterpretarão o tradicional receituário, conferindo-lhe toques contemporâneos: João Cura do Restaurante Almeja, Porto; Chefe Estrela Michelin Óscar Geadas, estrela Michelin do Restaurante G, Pousada de Bragança; Chefe Rui Ribeiro da Escola Profissional do Alto Minho Interior; e o Chefe Estrela Michelin Vítor Matos – Restaurante Antiqvvm, Porto e Hotel Vidago Palace, Chaves. Para aprofundar conhecimentos sobre os espumantes de Melgaço, as provas comentadas com o sommelier Manuel Moreira terão muitas dicas práticas e úteis.

A animação completa o cartaz da Festa do Espumante, com música ao vivo de Rui Afonso e Bruno Pereira e os DJ John Fan, Pedro Simões (RFM).

Saiba tudo sobre a Festa do Espumante de Melgaço, clicando aqui.

CORDEIRO À MODA DE MONÇÃO OU “FODA À MONÇÃO” EM DESTAQUE NO FIM-DE-SEMANA

O Cordeiro à Moda de Monção, prato típico conhecido localmente como “Foda à Monção”, uma das 7 Maravilhas Gastronómicas de Portugal. Dias 26 e 27 de Outubro, completam os dois fins-de-semana, que a Câmara Municipal de Monção, dedica ao prato típico, com o apoio dos restaurantes do concelho, distingue, em cada mês de Outubro, como habitualmente.

Além de constar na ementa dos restaurantes do concelho, o programa preparado pela autarquia monçanense, em colaboração com várias entidades, compreende, todos os anos, um conjunto de atividades lúdicas, desportivas e culturais para todos os públicos.

O objetivo é chamar a atenção de munícipes e visitantes, através de uma oferta atrativa e variada, proporcionando aos comerciantes e empresários locais uma maior dinâmica económica e a quem nos visita vários momentos de animação, lazer e descanso.

Ao longo do evento, quem visitar um dos restaurantes recomendados, vai deparar-se com uma mesa premiada (sopa, vinho, prato principal e sobremesa) no concurso nacional dedicado às 7 maravilhas do nosso país. Monção é mesmo o único concelho de Portugal com esta distinção alargada que, registe-se, orgulha todos os monçanenses e homenageia gerações de viticultores, enólogos, cozinheiros e rosqueiras locais.

Além da conquista do concurso “7 Maravilhas à Mesa”, distinguindo o Cordeiro à Moda de Monção e o Vinho Alvarinho (2018), Monção foi um dos vencedores do concurso “7 Maravilhas Doces de Portugal” com o doce “Roscas de Monção” (2019). Em 2011, no concurso “7 Maravilhas da Gastronomia”, numa candidatura que englobou vários municípios da região, a votação popular elegeu o caldo verde como um dos vencedores.

Desta forma, o Cordeiro à Moda de Monção será acompanhado pelo vinho Alvarinho, caldo verde e roscas de Monção. Para completar, cada restaurante tem reservada uma surpresa para oferecer a cada cliente. Em 2019, será um voucher que inclui visita guiada ao Museu do Alvarinho, guia “Cordeiro à Moda de Monção – Maravilha de Portugal”, pequeno alguidar em barro, e roscas de Monção.

O Mês do Cordeiro à Moda de Monção, conhecido localmente como “Foda à Monção”, realiza-se nos dias 19, 20, 26 e 27 de outubro de 2019

Consulte clicando aqui para conhecer o programa 2019, bem como os os restaurantes recomendados.

CORDEIRO À MODA DE MONÇÃO OU "FODA À MONÇÃO" EM DESTAQUE NO FIM-DE-SEMANA

PENSÃO BORGES DE BAIÃO RUMA A LISBOA COM AS MESAS BOHEMIA

Mesas Bohemia trazem desta vez a Pensão Borges de Baião a Lisboa, para surpreender os “alfacinhas” com o Bazulaque e Anho no Forno. É assim com esta surpresa que as Mesas Bohemia estão de regresso para a 5ª edição deste ano! Apesar de os portugueses já estarem habituados a verem os restaurantes trocarem de cidade, de norte a sul do país, todas as edições criam uma experiência cervejeira e gastronómica inesquecível e esta não será exceção.

Localizada em Campelo, sede do Concelho de Baião, a Pensão Borges foi fundada em 1934 pela família Trindade e Teresa Borges. O restaurante da Pensão Borges assenta numa cozinha caseira regional, em forno a lenha, que faz as delícias de todos os visitantes. São muitas as especialidades, mas é o Anho Assado que justifica as romarias ao domingo.

PENSÃO BORGES DE BAIÃO RUMA A LISBOA COM AS MESAS BOHEMIA

A partir do dia 29 de novembro, a cerveja Bohemia traz a cozinha tradicional e os pratos regionais da Pensão Borges a Lisboa. É na Casa das Galeotas – Avenida da India 110 – que vai ser possível saborear o famoso Bazulaque, Escabeche de Lúcio-perca e Anho (cordeiro) no Forno, que quando combinados com a melhor cerveja ganham uma nova interpretação.

Nada como os enchidos do Norte para abrir o apetite para uma boa refeição. A frescura da Bohemia Pilsener vai combinar na perfeição com a Linguiça e a Moira, mas também com algo com que se identifica a Pensão Borges, o seu Salpicão de Língua.

Segue-se o famoso Bazulaque, que é a receita que se preparava nos dias de casamento para ganhar energias nas longas deslocações, que iam de casa à igreja ao lugar da celebração. Um prato de sustento e de festa, que por ser feito em tacho e ter os sabores caraterísticos da região, combina muito bem com as notas tostadas da Bohemia Bock, e nesta combinação perfeita nasce a melhor Boa-Vinda que se pode dar a alguém.

PENSÃO BORGES DE BAIÃO RUMA A LISBOA COM AS MESAS BOHEMIA

O amargor da Bohemia Puro Malte faz o pairing perfeito com o Escabeche de Lúcio-perca, um dos pratos icónicos da Pensão Borges. Nesta região os peixes do rio ganham destaque na mesa e é esta arte e paixão da pesca de rio que a Pensão Borges coloca nos seus pratos.

PENSÃO BORGES DE BAIÃO RUMA A LISBOA COM AS MESAS BOHEMIA

O prato estrela desta edição elegeu a Bohemia Original, que com as suas notas de caramelo e suavidade, acompanha este prato com muita distinção. Este é o prato dos pratos de conforto. O Anho (cordeiro) no Forno, com batatas assadas e arroz. É a maridagem perfeita para uma noite em que recordamos o melhor da região.

PENSÃO BORGES DE BAIÃO RUMA A LISBOA COM AS MESAS BOHEMIA

Para terminar da melhor maneira só faltava o Creme de Água Queimado. Como bom creme queimado, as notas a café da Bohemia Stout vão fazer a combinação perfeita para esta sobremesa. Receita da casa e que se diz ter mais de 70 anos, e de origem por volta da Grande Guerra e do seu racionamento. Fazem com água, em vez de leite e aqui podemos sentir o orgulho e a delícia deste engenho.

Para saber mais e adquirir o seu bilhete clique aqui.

FESTIVAL GASTRONOMIA DE BORDO REGRESSA A ÍLHAVO

O Festival Gastronomia de Bordo regressa ao Município de Ílhavo entre os dias 8 e 17 de Novembro, levando consigo uma ementa repleta de sabores (e saberes) ancorados na cozinha tradicional e bacalhoeira.

A Câmara Municipal de Ílhavo volta, assim, a promover o Festival Gastronomia de Bordo que, na sua primeira edição, em 2018, registou uma adesão e um impacto bastante expressivos, quer no município, quer na região, quer ainda em vários pontos do país, dado o número de pessoas que se deslocaram a Ílhavo para saborear as experiências e especialidades gastronómicas apresentadas pelos restaurantes.

Com uma programação alargada a dez dias e a participação confirmada até ao momento de 19 restaurantes, esta segunda edição do festival promete levar à mesa verdadeiras iguarias inspiradas em pratos emblemáticos de bacalhau e seus derivados como a famosa Chora, uma sopa feita com a cabeça do bacalhau, caldeirada de espinhas de bacalhau ou línguas fritas. A feijoada de chispe, feijão assado, o “pão da pana” e o “queque dos domingos”, entre outros, também fazem parte do “cardápio”, comida retemperante para climas hostis e mares inóspitos enfrentados por heróicos pescadores.

O festival enaltece a cozinha tradicionalmente produzida a bordo das embarcações, não só através do paladar, mas também de visitas orientadas e outras experiências, um capítulo emblemático da história portuguesa que tanto impacto teve nas vidas e nas famílias dos ílhavenses ao longo dos últimos séculos: a pesca do bacalhau.

Esta iniciativa insere-se numa trilogia de festivais com o mesmo nome e que já passou por Peniche (18 a 20 de Outubro, centrado na pesca costeira) e termina na Murtosa (27 de Novembro a 1 de Dezembro, centrado na pesca lagunar), municípios do Centro de Portugal, inseridos no projeto Territórios com História: o Mar, as Pescas e as Comunidades.

Restaurantes aderentes:

» A Praia do Tubarão
» Bela Ria
» Bronze – Seafood & Lounge
» Canastra do Fidalgo
» Cantina Bar da Lota
» Duna do Meio
» Estrela do Mar
» Iguarias – Food and Drinks
» Manuel, o Leão
» Maradentro
» Marina by Luís Lavrador
» Marisqueira Barra
» Marisqueira da Costa Nova
» Montebelo Vista Alegre Ílhavo Hotel
» O Gafanhoto
» O Navegante
» Salsus
» Traineira
» Clube de Vela

LAPO UM LOCAL VOCACIONADO PARA A CULTURA INAUGURADO NA BICA

LAPO é um novo espaço, vocacionado para a cultura e para as artes assim como uma plataforma de consciência social compartilhada, inaugurado no passado sábado, dia 28 de Setembro, na Rua Marechal Saldanha, à Bica. Emerge das ruínas de uma antiga fábrica de pão , num bairro típico de Lisboa e de passado boémio, cuja memória foi respeitada, preservando alguns dos materiais de origem, bem como reciclando algumas peças do seu mobiliário.

O LAPO, reúne vários ambientes, entre eles, um café-bar, no primeiro andar que convida a relaxar, a socializar, a trabalhar e, acima de tudo, a alimentar a alma, como espaço pensado para eventos culturais, exposições, concertos, tertúlias, discussões e conferências.

Possui ainda uma loja-atelier  e um restaurante Sala Provador, um local íntimo dedicado à gastronomia portuguesa e intervenção cultural e à liberdade artística, onde o lema é eclectismo e que alia os prazeres da mesa a espectáculos intimistas.

A Sala Provador acolhe um programa mensal de actividades como o teatro, a dança, concertos, comédias “stand-up”, “performance” e “happenings” que propõe uma experiência conjunta  de jantar –espectáculo. De quarta-feira a sábado, a cortina sobe e cada dia tem uma temática.  À Quarta-feira sobem ao palco projetos experimentais, quinta-feira é dia de teatro. Seguem-se as “Sextas-feiras Irreverentes” com performances e ao sábado acontecem as “Noites Sonoras”, onde dão a conhecer novos grupos.

E na loja  podem ser  encontrados vários artigos nacionais, do vestuário ao azulejo, que têm em comum as ilustrações quase sempre preto e branco, de um estilo minimalista, humor refinado e de uma candura por vezes provocadora, acreditando que a tomada de consciência é o primeiro passo para dar início a um processo de mudança e, por essa razão, procura-se, através da ilustração, partilhar histórias, salvaguardar memórias, estimular a auto-consciência e o pensamento crítico.

Um espaço que deixa curiosidade e vontade de o descobrir…porque aqui tudo muda e varia com programações culturais de grande relevância e por isso bastante interessantes. Para ficar a par de todas as novidades o melhor mesmo é seguir as páginas do Facebook e Instagram.

LAPO

Rua Marechal Saldanha, 26-28 – Lisboa

Veja aqui os horários de funcionamento do Lapo.

lapo-rua-marechal-saldanha-lisboa

Criar Conta de Utilizador