TEATRO &
ARTE
MÚSICA &
FESTIVAIS
GASTRONOMIA
FAMÍLIA &
ENTRETENIMENTO
DESPORTO &
AVENTURA
TODOS OS
EVENTOS

PORTO STREET STAGE DO RALI DE PORTUGAL AO FINAL DA TARDE DE HOJE

Regressa hoje ao final da tarde o Rali de Portugal à cidade do Porto, com a disputa da Porto Street Stage, uma classificativa espetáculo disputada no coração da Invicta. Serão milhares e milhares aqueles que encherão as ruas do Porto ao final desta tarde para assistir a um espetáculo único, pleno de emoção e sempre com a adrenalina à flor da pele.

Desenhada em plena Baixa da cidade do Porto, a classificativa espetáculo será disputada ao final da tarde de 18 de maio, sendo percorrida duas vezes pelos concorrentes, a primeira com início às 19:03 e a segunda às 19:26. Com uma extensão de 1.950 metros, o percurso terá várias novidades relativamente ao traçado estreado em 2016, iniciando-se agora no topo da Avenida Dom Afonso Henriques, junto à Sé Catedral do Porto, para terminar na zona da Cordoaria, ao lado do Tribunal da Relação do Porto. A especial passará por locais como a Estação de São Bento, a Rua de Sá da Bandeira, a Praça D. João I, a Avenida dos Aliados e a Rua dos Clérigos. O programa da Porto Street Stage inclui, além da classificativa pontuável para o WRC, uma prova aberta a Clássicos Desportivos e animação de pista.

Apesar de o fecho da pista acontecer logo ao início da manhã, para uma primeira inspeção de segurança, o programa oficial da Porto Street Stage apenas terá início às 12,44 horas, altura em que todos os 88 concorrentes inscritos no Rally de Portugal iniciarão os obrigatórios reconhecimentos ao percurso.
 
Cada equipa terá oportunidade de completar duas voltas ao traçado no carro de prova, numa espécie de teste em que a velocidade máxima estará limitada aos 60/km/h. Qualquer infração a esta regra poderá resultar numa penalização aplicada pela organização da prova. Por força desta imposição, os reconhecimentos vão prolongar-se por cerca de três horas, estimando-se que a última equipa abandone a pista pelas 15,45 horas. 
 
Entre as 15,50 e as 16,40 horas, o ritmo será já bastante mais elevado, uma vez em pista vão estar dois antigos campeões nacionais de rali, ambos da cidade do Porto: Fernando Peres e Pedro Matos Chaves. Cada um ao volante de um Mitsubishi Lancer da equipa Peres Competições, os dois pilotos vão “passear” alguns convidados pelo traçado de 1.950 metros, naquele que constituirá o primeiro teste a “sério” ao circuito. 
 
Pelas 16,45 horas, será a vez dos Clássicos Desportivos fazerem o seu reconhecimento ao traçado da Porto Street Stage. Ao contrário dos WRC, o reconhecimento será feito em grupo e de uma só vez.
 
Antes da primeira de duas passagens cronometradas que serão realizadas pelos concorrentes da prova de Clássicos Desportivos, Fernando Peres e Pedro Matos Chaves regressarão à pista para mais uma curta sessão de co-drives, entre as 17,05 e as 17,30 horas.
 
A partir desta altura, a pista terá de ficar desimpedida e já com todos os postos de segurança e meios de socorro operacionais. Se tudo correr como planeado, os Delegados da Federação Internacional do Automóvel (FIA) iniciarão às 18,45 horas a derradeira inspeção à classificativa.
Depois, é só esperar mais alguns minutos até que o primeiro concorrente do Campeonato do Mundo de Ralis inicie a sua prova. Será, exatamente, às 19,03 horas.
 
 Tal como há dois anos, todas as equipas que se apresentem à partida cumprirão duas passagens pelo percurso da Porto Street Stage, estimando-se que o último concorrente termine a sua prova pelas 22,15 horas.
 
A RTP vai transmitir o evento em direto a partir das 19 horas.  Ao longo da pista, existirão oito ecrãs onde o público poderá acompanhar o desenrolar de toda a ação.

Assista em segurança a este espetáculo inesquecível, perto da emoção mas longe do perigo.

youtu.be/m8CawBTO7iA

Fonte: Porto Lazer

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email
Share on print

Criar Conta de Utilizador