TEATRO &
ARTE
MÚSICA &
FESTIVAIS
GASTRONOMIA
FAMÍLIA &
ENTRETENIMENTO
DESPORTO &
AVENTURA
TODOS OS
EVENTOS

Que pena, este evento já terminou! :(

A BOCA DO LOBO – LUX FRÁGIL – JAN A JUN 2020

A BOCA DO LOBO – LUX FRÁGIL – JAN A JUN 2020

Música & Festivais

Data
16/01/2020 até 18/06/2020
Ver progr | Quinta
Local

LUX - Frágil, Lisboa

Classificação Etária
M/16 anos
PUB

Descrição do Evento

A BOCA DO LOBO – LUX FRÁGIL – JAN A JUN 2020 – Com curadoria de Martim Sousa Tavares, A Boca do Lobo é um ciclo de seis eventos únicos que ocorre de janeiro a junho de 2020. A sua natureza irrepetível sublinha que estes acontecimentos, mais que meros concertos, são experiências onde a ligação entre espaço e tempo é insubstituível.

Boca do Lobo é sobre utopia. É uma aventura em direcção a territórios desconhecidos de excitação e desafio. A Boca do Lobo existe porque a música clássica não pode estar viva se não for guiada pela descoberta e não pode ser real se não oferecer um lugar para cada pessoa.

Onde é que A Boca do Lobo poderia encontrar a sua casa, senão no LuxFrágil, um espaço nascido da curiosidade ilimitada e da vontade de tornar a arte radicalmente acessível a todos?

Dentro destas quatro paredes já se ouviu de tudo. Prince, Stockhausen, Nicolas Jaar, Carminho. Em poucos espaços foram tantas formas de expressão tão bem-vindas, de forma livre e sem restrições.

No entanto, trazer música clássica para o LuxFrágil não é apenas uma questão de transpor a orquestra para a pista de dança. É também recontextualizar obras canónicas e trazê-las para a contemporaneidade. É inspirar novos significados na música e fazer dela caminho para pensar e sentir para além do quotidiano. É um acto de investimento nos sentidos, no repertório, no indivíduo e na comunidade. Mais que tudo, A Boca do Lobo serve para lembrar que toda a arte pode ser fórum para o melhoramento da experiência humana e que nenhuma questão deve ser deixada à margem.

Vão levantar-se questões, fluir ideias e a conversa deverá prosseguir. Terá continuidade num podcast, plataforma para o diálogo, a memória e a interpretação sobre tudo o que isto significa.

CICLO DE EVENTOS “A BOCA DO LOBO”

VIAGEM DE INVERNO

A BOCA DO LOBO - LUX FRÁGIL - JAN A JUN 2020

Bilhetes 12 € – comprar aqui.

16 de Janeiro, 22:00

Franz Schubert / Martin Mkhize / Mrika Sefa / Fidel Évora
Música e pintura ao vivo

Quando fizeste a tua última viagem? Não uma escapadela de fim-de-semana. Uma viagem a sério, para a qual levaste apenas o que te é mais precioso e partiste rumo ao novo e desconhecido, sem retorno à vista. Talvez tenhas lido sobre este tipo de viagens nas notícias. Histórias de pessoas forçadas à migração a bordo de todo o tipo de embarcações pelo Mediterrâneo adentro. Talvez tenhas ouvido histórias dos teus antepassados e dos seus êxodos a pé, de comboio, barco ou avião, procurando o bem ou escapando do mal. Talvez já tenhas viajado, com despedidas feitas, para te estabeleceres algures, por razões que são apenas tuas.

Quando era pequena, o piano e a guerra levaram Mrika Sefa do Kosovo até à Suiça, numa mudança drástica de paisagens e culturas. Martin Mkhize deixou a África do Sul para procurar a sua voz na Holanda, trocando as falésias da Cidade do Cabo pelos canais de Amesterdão. O artista cabo-verdiano Fidel Évora saiu do seu arquipélago natal para estudar e trabalhar na Europa, dando cores a ruas e telas com a sua arte. Três viagens distintas, três caminhos que nunca se cruzaram até se encontrarem no LuxFrágil, vão dar voz à Viagem de Inverno de Schubert.

Winterreise é um ciclo de canções para voz e piano, escritas há dois séculos por um compositor de 30 anos à beira da morte. A partir de poemas de Wilhelm Müller, relata-se a solidão de um viajante errante e de coração partido que deixa a sua terra numa noite escura. Caminhando pela neve e sobre rios congelados, passando cemitérios e terras de ninguém, o viajante contempla as tristezas do caminho e lembra-se do que deixou para trás. Como todas as viagens, esta vai ao interior de si mesmo e é feita sobretudo de melancolia.

Em Janeiro podes fazer esta viagem com a voz de Martin Mkhize, o piano de Mirka Sefa e as ilustrações ao vivo por Fidel Évora. *

*No final do concerto, as obras resultantes da pintura ao vivo de Fidel Évora serão vendidas e essa receita será integralmente doada ao Projecto LAR / www.larproject.com/pt

JOHANNA TACET

A BOCA DO LOBO - LUX FRÁGIL - JAN A JUN 2020

Bilhetes 14 € – comprar aqui.

20 de Fevereiro, 22:00

Johanna Beyer / John Cage / Drumming GP
Música

Nova Iorque, anos 30. A cidade faz-se oficina do mundo.

Edifícios que se esticam para o céu e as artes em expansão para o infinito.

Entre a elite de compositores revolucionários, está a alemã Johanna Beyer. O primeiro punho a escrever música electrónica, Beyer lida e trabalha com os maiores pensadores do seu tempo. Uma compositora radical que imagina música a solo, de câmara e sinfónica, metade realidade, metade sonho.

Nunca ouviste falar dela? Não admira. Quase ninguém ouviu. Na verdade, pouco mais se sabe sobre Johanna Beyer. Morre pobre e solitária em 1944 e o seu trabalho cai no esquecimento imediatamente após a sua morte.

Em jargão musical, o termo latim tacet utiliza-se quando um instrumento não toca durante um período significativo de tempo. No caso de Johanna Beyer, a sua voz tem sido um tacet total. O seu pensamento pioneiro antecipou em muitos anos algumas das experiências mais ambiciosas da música, e nem assim persistiu na memória de ninguém. Johanna Beyer sempre era, afinal de contas, uma mulher à frente dos homens do seu tempo.

Neste evento o Drumming GP irá dar ao mundo a estreia da última e mais ambiciosa obra de Johanna Beyer: Horizons. Esta partitura acorda de um tacet de 78 anos e toma a ribalta no LuxFrágil. Obras de Beyer serão tocadas lado a lado com obras do gigante do modernismo John Cage, num ensaio para a cartografia de ligações e influências entre os dois génios.

Em Fevereiro, termina o tacet de Johanna Beyer.

ESCAPESOUNDSCAPE

A BOCA DO LOBO - LUX FRÁGIL - JAN A JUN 2020

Bilhetes 12 € – comprar aqui.

19 de Março, 21:30

John Luther Adams
Ecologia sonora

Interrompe os downloads. Fecha todos os separadores, janelas e pop-ups. Centra-te. Concentra-te. O que ouves? Gente a falar, carros a passar, pássaros, o vento, a chuva?

Submersos nos nossos pensamentos, muitas vezes esquecemo-nos de que não estamos nem nunca estivemos sozinhos. A humanidade partilha a sua casa com milhões de outras vidas reais e utópicas, sejam humanas, animais ou vegetais. Plantas, pedras e micro-organismos. Ecossistemas inteiros que formam as marés, ventos e luz à nossa volta neste preciso momento. Lembra-te que só és protagonista no teu pequeno mundo.

Às vezes é simplesmente necessário largar o nosso ponto de vista para sentir a imensidão.  É isso que John Luther Adams, prémio Pulitzer, quer com o seu trabalho: um caminho para escaparmos à nossa trivialidade para um mundo de som, um mundo para simplesmente ouvir.

Adams capta a profundidade sonora de oceanos, a erosão de desertos, o levantar e pôr do sol. Ouve a sua música com tempo e concentração suficientes, e deixarás para trás a percepção da realidade. Pelo menos a tua.

Adams deseja que, ao deixarmo-nos engolir pelo seu universo sonoro, possamos pelo caminho vislumbrar algumas respostas. Ativista radical e pensador ambiental, John Luther Adams defende novas relações com o que nos rodeia. “Se minha música puder inspirar as pessoas a ouvir mais profundamente este mundo milagroso em que vivemos, terei feito o que posso como compositor para nos ajudar a navegar esta era perigosa que criamos.”

Escapesoundscape é uma experiência inteiramente imersiva e concebida especialmente para o Lux Frágil. É música, mas também é meditação. É música, mas também é acção.  É ecologia sonora que se move, evolui e contamina lentamente, e és livre de ouvir a tua parte nela.

PARIS, 1892

A BOCA DO LOBO - LUX FRÁGIL - JAN A JUN 2020

Bilhetes 15 € – comprar aqui.

16 de Abril, 22:00

Erik Satie / Joséphin Péladan / Joana Gama
Música e ritual

Paris, 1892

Há séculos que batem às nossas portas aqueles que procuram conhecimento da Rosa Cruz. Homens e mulheres estudaram as mais altas leis da natureza através dos nossos arquivos, aprendendo a ler o Liber Mundi, para se tornarem élites visíveis ou invisíveis das suas décadas.

A Ordem Rosa+Cruz não tem necessidade de atrair uma multidão de membros. Escolhemos cuidadosamente os aspirantes aqueles que acreditamos nutrir um verdadeiro desejo de conhecimento e entendimento. Só os que humildemente aspiram à Grande Luz serão admitidos.

Se deseja realmente o mundo interior ensinado pela Ordem Rosa+Cruz, o conhecimento que liberta os homens e mulheres de boa fé, poderá então solicitar a admissão para aspirante à Luz Interior.

Não nos interessam as honras e os títulos de quem nos procura. Não queremos saber da sua idade, género ou religião. A nossa única preocupação é que sejam pessoas honradas, merecedoras de receber o conhecimento secular da Ordem da Rosa+Cruz. Se o aspirante se achar merecedor, abrir-lhe-emos as portas da nossa Fraternidade.

Se o aspirante apenas se move por curiosidade, por favor evite incomodar-se com um pedido de admissão, sendo certo que essa admissão lhe será rejeitada. No entanto, se o aspirante é alguém que clama por uma melhor compreensão da vida e do universo, convidamo-lo pois para a nossa cerimónia iniciática.

“Um artista é um padre, um rei, um mago.”

Joséphin Péladan

AS ONE – CANCELADO

A BOCA DO LOBO - LUX FRÁGIL - JAN A JUN 2020

Bilhetes 20 € – Compre aqui.

21 de Maio, 22:00

Laura Kaminsky / Mark Campbell / Kimberly Reed / Zafa Collective / Jordan Harris / Melina Jaharis
Ópera e video

As pessoas mudam constantemente. A toda a hora. Transitamos da infância para a idade adulta. Progredimos de trabalho em trabalho. Mudamos de cidades e países, e evoluímos de um amor para o seguinte. Os humanos evoluem de infinitas formas e no entanto, apesar de tudo, algo fica de quem foram um dia e sempre serão. É como se a mudança fosse na verdade o abandonar de várias camadas de engano, à procura do ser original e verdadeiro.

Hannah antes e Hannah depois são as duas vozes que constituem um único personagem na ópera As One, ao acompanhar a transição de Hannah de homem para mulher, no caminho da sua verdadeira identidade.

MITILENE, LESVOS / LUX, LISBOA – CANCELADO

A BOCA DO LOBO - LUX FRÁGIL - JAN A JUN 2020

Bilhetes 15 € – Compre aqui.

18 de Junho, 22:00

Claude Debussy / Bilitis / Pierre Louÿs / Teresa Coutinho
Música, poesia e performance

Entre os séculos VI e VII a.C. vive em Mitilene, na ilha de Lesvos, uma mulher chamada Bilitis. Tal como Safo, cultiva o amor e a poesia, e o seu túmulo conta, em verso, a sua própria vida.

Em 1955 nasce em São Francisco Daughters of Bilitis, clube de poesia, lugar de respeito e oásis de liberdade.

Acreditamos nestas histórias porque elas são a verdade e acreditamos nestas vidas porque elas contam a história.

Neste lugar alimentamos a química de corpos e espíritos em dança, e desde sempre somos ilha de segurança num mar muitas vezes hostil.

De Mitilene, Lesvos, para o Lux Frágil, Lisboa. Com música, poesia e dança faremos a viagem de uma ilha para outra, de ontem para hoje, para emergimos aqui e agora, celebrando este espaço sagrado.

NOTAS: Entrada Interdita a Menores 16 Anos.

Morada:

Av. Infante D. Henrique, Armazém A, 1950-376 Lisboa

Coordenadas GPS:

38°42'53.68"N
9°7'14.32"W
Mapa de Evento da Coolture

Criar Conta de Utilizador